TRÉ COOL DIZ O QUE DARIA DE NATAL AO PRESIDENTE TRUMP

Em entrevista descontraída para a edição natalina da revista Kerrang!, Tré Cool revelou com o que presentearia seus companheiros de banda, sua família, celebridades e o controverso Donald Trump, presidente eleito dos Estados Unidos da América. Confira a tradução:


O membro mais legal do Green Day ganhou uma folga após um agitado ano de 2016. Mas antes disso, ele foi às compras, então, as coisas podem ficar estranhas…


Se você é um membro de carteirinha da Idiot Nation, 2016 foi um ano que continuou presenteando. O Green Day completou seu 30º ano de banda, porém tivemos muito mais motivos que isso para pular de alegria – não menos importante, a banda voltou a ativa e lançou seu melhor álbum em uma década, Revolution Radio, com a promessa de um 2017 cheio de shows em arenas e aparições em festivais.


Para o baterista do Green Day, Tré Cool, os presentes não acabam ali. O Natal, apesar de tudo, é época de presentear. Contratado pela Kerrang para a missão (com um pequeno orçamento) de comprar presentes para seus amigos rockstars, família, animais de estimação e pessoas marcantes no ano de 2016, com o que será que Tré Cool lhes presentearia?


Bem-vindos, então, ao absurdo Natal de Tré Cool.


Billie Joe Armstrong (o frontman): Eu compraria pro Billie um megafone cromado com um manete em madrepérola. Acho que ele iria curtir. Acho que é a única coisa que ele não tem. Com isso ele poderia amplificar a sua já robusta voz. Convenhamos, todo mundo precisa de um megafone, então um megafone chique seria o ideal. Todos os megafones que você vê são padronizados, igual aos que a polícia usa, feitos de plástico. Então seria legal dar a ele um mais chique. Tenho certeza que ele iria gostar.


Sara Cool (Esposa do Tré): Para Sara… eu compraria um gatinho peludo. Teria de ser um daqueles com a cara achatada que sempre parecem aborrecidos. Acho eles muito legais, apesar de ser um pouco alérgico a gatos e, ainda, eles são um pouquinho fedorentos, sabe? Um pouco superiores aos outros.


Ringo Starr (Baterista-herói do Tré): Provavelmente eu compraria pra ele um anel do Super Bowl (premiação anual que recebem os jogadores campeões da NFL), provavelmente um do Oakland Raiders. Ficariam muito bem com a sua coleção de anéis. Ringo é o mais requintando músico de todos os tempos. Ele é um baterista e compositor. Ele nunca exagera e é isso que eu tento fazer, eu tento ser um baterista compositor. Eu faço o que a música pede. Todos que dizem que Ringo não é um bom baterista estão errados. Eu já toquei com ele e se ele não fosse um bom baterista, eu saberia.


Dave Dictor (amigo punk rocker do Tré): Eu compraria pra ele lençóis limpos. Quando eu tocava na The Lookouts eu costumava ficar no quarto dele na Rat House (local de encontrou comunitário do punks) e ele nunca trocava os lençóis da cama. Por acaso, eu vi ele em uma padaria local esses dias. Ele é um cara legal.

Beyoncé: Provavelmente compraria pra ela um kit sadomasoquista para principiantes. Na realidade, acabei de mudar de ideia, eu acho que a Beyoncé iria curtir uma poltrona de descanso, porque ela parece que precisa dar uma relaxada. Ela poderia sentar na poltrona, tirar o peso e apenas relaxar e tirar um cochilo. Acho que seria bom pra ela.


Mike Dirnt: Mike provavelmente poderia usar um avião dos modelos da primeira guerra, com um kit para escrever no céu. Mike não sabe pilotar… na realidade eu nem sei se ele sabe pilotar. Vamos dizer assim, eu nunca vi ele fazer isso, mas talvez ele tenha tirado aulas. Ou talvez ele aprendeu na internet. Você pode aprender qualquer coisa na internet hoje em dia, só precisa pesquisar no Youtube.


Barack Obama: Essa é difícil. Acho que de Natal eu daria a ele as máscaras do Green Day. Acho que seriam bastante úteis pra ele, porque assim ele poderia ir pra qualquer lugar sem ser reconhecido. Convenhamos, ele é uma das pessoas mais famosas do planeta então deve ser difícil ele ir a qualquer lugar sem ser reconhecido. Então acho que as máscaras seriam de grande ajuda a ele.


Brody, o cão: eu tenho três cães e provavelmente compraria a eles a mesma coisa que daria a minha esposa, ou seja, um gatinho. Então eles poderiam brincar com ele. Meus cães amam gatos. Eles são legais com gatos porque não são especistas.


Frankito e Ramona (Filhos do Tré): Para meu filho eu compraria uma coleção de discos de punk rock com todos os clássicos. E para minha filha, passagens de seis meses pela Europa. Melhor dizendo, dadas as circunstâncias atuais, eu compraria passagens de trem pela Europa para os próximos quatro anos.


Donald Trump: oh, hahahah, não acho que compraria coisa alguma pra ele. Talvez eu daria a ele um pedaço de carvão… sim acho que é isso, um pedaço de carvão para Donald.

0 visualização

ACOMPANHE PELO INSTAGRAM

© 2019 por Green Day Brasil. Todos os direitos reservados.

LOGO-BOLINHA-BRANCO.png